Alesha e Jarryd: Adoramos a vida de nómadas

Written by SV
23. 10. 2017 · 2 min read

Umas perguntas para os viajantes Alesha e Jarryd (NOMADasaurus) do planeador de viagens e férias Sygic Travel

Como se descreveriam em cinco palavras?
Aventurosos. Divertidos. Nómadas. Apaixonados. Curiosos.

Qual é que foi o momento em que se decidiram tornar viajantes?
Não houve uma momento exato para nós e ambos começámos a viajar a solo antes de nos conhecermos. Mas, algures pelo caminho, apercebemo-nos que adorávamos este estilo de vida de nómadas e decidimos segui-lo durante tanto tempo quanto possível. Quando nos conhecemos percebemos que ambos tínhamos o mesmo sonho e nove anos mais tarde ainda estamos aqui, juntos.

Qual é o vosso maior feito?
Criar um estilo de vida à nossa medida e não nos conformarmos ao resto do rebanho.

Do que é que mais gostam sobre viajar?
Aprender coisas sobre culturas novas e descobrir novos lugares.

De que é que não gostam sobre viajar?
A falta de comunidade.

Qual é a ideia mais errada que as pessoas têm sobre ser-se um viajante a tempo inteiro?
Que é tudo pores-do-sol e cocktails na praia. Na verdade, passamos muito do tempo sentados em aviões, autocarros, comboios, táxis, barcos, etc e constantemente a tentar perceber toda a logística das viagens como vistos, transportes, alojamentos e a fazer coisas mundanas, tipo lavar a roupa. Mesmo assim, não trocávamos isto por nada no mundo.

Qual é a parte mais desafiante de ser um viajante a tempo inteiro ou de viver uma vida de nómada?
Tentar não ficar completamente esgotado. Ser um viajante a tempo inteiro é desgastante e facilmente nos cansamos das coisas, porque tu praticamente vês ou fazes alguma coisa nova e excitante dia sim, dia não. “Ah, é só mais um templo. Nem me vou dar ao trabalho de ver aquela igreja.” É o que chamamos uma das maldições de viajar a longo prazo.

Qual é a melhor maneira de experienciar uma cultura diferente?
Viajar com calma e mergulhar nela.

Quais são as cinco coisas sem as quais não podem viajar?
Passaporte, câmaras, um bom casaco para a chuva, cartão de débito, botas de caminhada.

Que destinos estão no topo da vossa lista de desejos agora?
Dado que já riscámos o número um da nossa lista no início do ano (Antártida), agora queremos visitar o Ártico e qualquer lugar em África.

Que apps ou sites usam para viajar (mapas, itinerários, guias, alojamento, orientação, tours,...)?
Google Translate, Maps.me, XE Currency Converter, Uber, Google Flights, WhatsApp, AirBnB, Booking.com.

Se tivessem orçamento ilimitado para viajar nas próximas 24 horas, como é que seria o itinerário?
Fazer mergulho, surfar, fazer kitesurf, wakeboard e beber imenso algures, tipo nas Maldivas.

Se tivessem orçamento ilimitado para viajar nas próximas 24 horas, como é que seria o itinerário?
Talvez Espanha?

Qual é o país ou local mais sobrestimado em que já estiveram?
Para sermos honestos, não achámos Buenos Aires tão especial quanto os nossos amigos fizeram parecer.

Qual é o país ou local mais subestimado em que já estiveram?
Quirguistão!

Siga a Alesha e o Jarryd: NOMADasaurus / @nomadasaurus